ReleaseLyrics > Zeca Pagodinho

Multishow ao Vivo - 30 Anos - Vida Que Segue (2013)

Vida da minha vida (2010)

Perfil (2004)

Deixa a vida me levar (2002)

Água da minha sede (2000)

Zeca Pagodinho (1998)

Ao Mestre Heitor dos Prazeres (1998)

Alô Mundo (1993)

Um dos poetas do samba (1992)

Pixote (1991)

Mania da gente (1990)

Boemio Feliz (1989)

Jeito Moleque (1988)

Patota de Cosme (1987)

Zeca Pagodinho (1986)

Zeca Pagodinho Lyrics

Verdade
Deixa a vida me levar
Faixa amarela
S.P.C.
Uma prova de amor
Não sou mais disso
Maneco Telecoteco
Conflito
Velho ditado
Vacilão
Casal Sem Vergonha
Jura
Seu balancê
Dona Esponja
O Pai Coruja
O Que Resta de Nós
Cada um no seu cada um
Maneiras
O Penetra
Água da minha sede
A ponte
Bagaço da Laranja
Meu modo de ser
Caviar
Cheiro de saudade
Brincadeira tem hora
Alto lá
Posso até me apaixonar
Coração em desalinho
Despensa Vazia
Minha fé
Quem é Ela
Minta meu sonho
Filial da matriz
Pixote
Alo Gatinha!
Judia de mim
Deixa clarear
Ai que saudade do meu amor
Colete curto / Nega do patrão
Jiló com pimenta
Comunidade Carente
Delegado Chico Palha
Nunca vi você tão triste
A paisagem
Cabelo no pao Careca
O Feijão De Dona Neném
Talarico, Ladrão De Mulher
Quintal do céu
Sururu na feira
Vou Botar Teu Nome na Macumba
Guiomar
Depois do Temporal
Rugas
Feirinha da Pavuna / Luz do repente / Bagaço da laranja
Papel principal
Saudade louca
Samba pras moças
Beija-me
À Vera
Ninguém Merece
Zeca, Cadê Você?
Coração Feliz
Cachorro
O Biscateiro
Vida da Gente
Ve se me erra
O sol e a brisa
Gavião Calçudo
Jeito Moleque
Fiquei Amarrado Na Sua Blusinha
Mania Da Gente
É De Black-Tie
Quando eu contar (iaiá)
Se eu sorrir tu não podes chorar
Já mandei botar dendê
Samba no Chão
O Samba Nunca Foi De Arruaça
Mãos
À distância
Lama nas Ruas
Nao sou mais disso
Pago Pra Ver
Perfeita harmonia
Pagodeiro fino trato
Os papéis
Cabocla Jurema
Salve este mundo, menino
Dona Encrenca
Nega Judite
Se ela não gosta de mim
Normas da casa
Se eu for falar de tristeza
Leilão
Tive sim
Tempo de don-don
Ratatúia
Termina aqui
Menor abandonado
Pagode da Dona Didi
Vivo isolado do mundo
Ainda É Tempo Pra Ser Feliz
Chico não vai na corimba
Pisa Como Eu Pisei
Camarão que dorme a onda leva / São José de Madureira / Dor de amor
Pinta De Lord
Fita Amarela
Zé Inácio, Pai Véio
Trem Das Onze
Pra que chorar
É Preciso Muito Amor
Vida da minha vida
Poxa
Hoje sei que te amo
Quem passa vai parar
Pela casa inteira
Desacerto
Um real de amor
Pra São Jorge
Candeeiro da vovó
Orgulho do vovô
Cadê Meu Amor?
O puxa saco
Chama de saudade
O garanhão
Feira do acari
Severina Xique-Xique
Nascido e mal pago
O feijão de Dona Nenem
Alô gatinha
O Feijao De Dona Nenem
Se Tivesse Do
Talarico, Ladrao De Mulher
Lente De Contato
Manera, Mane
Lavadeira
Aonde Quer Que Eu Vá
Não Te Darei Esse Prazer
Eu Prefiro Acreditar
Quais, Quais, Quais
Minha
Em Nome da Alegria
Bagaço da laranja (ao vivo)
Mão Fina
Vai com Deus
Largo da Carioca
Quando Quiseres
Fumo do Bom
Falsa Alegria
Querer de um Querer
Um dos Poetas do Samba
Cabelo no Pão Careca
O Salaminho
Moenda Velha
Alô mundo
Jibóia comeu o boi
Mary Lu
Quando eu Contar (Iaiá) / Brincadeira Tem Hora
Patota de Cosme
Agua da minha sede
Posso ate me apaixonar
Insensato destino
Lá Vai Marola
Vai Vadiar / Coração em Desalinho
Preservação das raízes
O Dono da Dor
Sempre atrapalhado
Camarão que Dorme a Onda Leva
Mulheres
Coco de catolé
Samba do Approach
A Sogra
Prova de amor
Mulher do Aníbal
Parabólica
Poeta do Morro
Água no coco
Sinhá Manda Saia
Não foi ela
Feijoada Completa
Presença incerta
Mas quem Disse que te Esqueço
Nega dadivosa
Ela tem a Beleza que Nunca Sonhei
Com que Roupa?
Moro na Roça (ao vivo)
Feira De Acari
Vê Se Me Erra
Pra gente se amar
Tá ruim, mas tá bom
Letreiro
Calangueei
Amor, não me maltrate
Belo encontro
Chove, é o céu que chora
Debaixo do meu chapéu
Então leva
Patota do cosme
Ogum
Esta melodia
Quando Eu Contar (Ia Ia)
Jogo de caipira
A Rita
Cidade do pé junto
Canção da Esperança
Piston de gafieira
Tarzan, o filho do alfaiate
Quando a gira girou
Canto Pra Velha Guarda
Se você visse
Sem endereço
Vou Ver Juliana
Nêga Manhosa
Gota de esperança
Garrafeiro
Pisei num despacho
Tia Nastácia
Cabo, meu pai
Bisnaga
Testemunha ocular
Seu balance
Exaustino
Chico Não Vai Na Curimba
Vai vadiar
Coroa Avançada
Sem essa de malandro agulha
Cuidado Com A Inveja
Se Tivesse Dó
Tempo De Criança
Coração Dividido
Sapopemba e Maxambomba
Boêmio Feliz
Não há mais jeito
Lua de Ogum
Se eu pedir pra você cantar
Falsas juras / Pecadora / Manhã brasileira
Que alegria
Êta povo pra lutar
Terreiro em Acari
Sincopado ensaboado
Sujeito pacato
Pra ninguém mais chorar
Samba pra moças
Coqueiro Verde